Drenagem Linfática x Massagem Modeladora

Para sentirmos que o nosso corpo está bem, funcionando, saudável e bonito, recorremos à boa alimentação, prática de exercícios físicos e ingestão de água. Claro que também já escutamos falar de drenagem linfática e massagem modeladora, para dar aquela up no visual. Mas você sabe a diferença entre as duas, na hora de escolher um tratamento estético?

Drenagem linfática x massagem modeladora

As duas técnicas tornaram-se superpopulares, embora poucas pessoas conheçam as diferenças entre elas, o resultado.

A principal função da drenagem linfática é fazer a desintoxicação do sistema linfático. O tratamento consiste em massagear o corpo de forma suave e superficial, completamente sem dor, proporcionando relaxamento muscular e sensação de bem-estar.

A drenagem linfática ativa a circulação sanguínea, eliminando as toxinas, nutrindo os tecidos e diminuindo a retenção de líquido (inchaço): os resultados são visíveis já na primeira sessão. É também indicada para a recuperação de mulheres que passaram por intervenções cirúrgicas, como abdominoplastia, lipoaspiração ou que foram mães recentemente.

Já a massagem modeladora é uma técnica bastante ativa, com movimentos rápidos, firmes e repetitivos. O objetivo do tratamento é reorganizar e modelar o tecido adiposo, proporcionando a perda de medidas, combatendo a gordura localizada e as celulites e garantindo curvas mais definidas.

É realizada com  cremes com ativos específicos, que auxiliam nesses objetivos. Esse tratamento é indicado para quem quer modelar as curvas ou trabalhar aquele pneuzinho insistente, que não sai, mesmo com a prática de exercícios e dietas.

Atualmente, existe uma tendência para mesclar numa mesma massagem as duas técnicas: MASSAGEM DRENOMODELADORA